DJ LUCAS FROTA APRESENTA REFERÊNCIAS DO TUPI-GUARANI NO AFRO-HOUSE COM SINGLE “ARAM ANGA”

Últimas

DJ LUCAS FROTA APRESENTA REFERÊNCIAS DO TUPI-GUARANI NO AFRO-HOUSE COM SINGLE “ARAM ANGA”


O artista conversou exclusivamente com a DJ Mag Brasil sobre as influências brasileiras que leva para o seu som

O DJ e produtor carioca Lucas Frota acaba de lançar o novo single “Aram Anga (The Spirit of the Sun)”, nas principais plataformas digitais. A faixa é o segundo lançamento do artista por sua própria gravadora, a Deep Energy Channel (DEC Records), além de ser seu primeiro trabalho original desde o sucesso “All Night Long”, parceria com a cantora Agnes Nunes.

Sempre buscando inovar em referências distintas e singulares nas batidas eletrônicas de sua criação, Lucas Frota traz em “Aram Anga (The Spirit of the Sun)” uma junção entre o Afro House ou Soulful House – gênero derivado da House Music com referências de estilos do continente asiático – e a musicalidade dos povos indígenas brasileiros.

Com quase sete minutos de duração, as melodias envolvem vocais executados na língua Tupi-Guarani, inclusive no título da faixa “Aram Anga”, que significa “Alma do Sol”. “Essa música é uma ideia minha de muito tempo que consegui realizar nesse projeto, trazer palavras da língua tupi-guarani, povo nativo das terras do Brasil para o mundo. Também aproveitei esse momento em que músicas nesse estilo melódico e afro dentro do house estão em alta”, explica Lucas Frota em exclusividade a DJ Mag Brasil.

Os instrumentos tradicionais das culturas Sul-Americana e Africana, gravados ao vivo, foram cortados e repicados para uma mistura futurista épica de sons orgânicos e eletrônicos, cheio de dinâmica e groove.

“Pra mim, o Afro House é muito mais que um gênero musical, transmite mais um conceito de espiritualidade nas músicas. Como nativo do Brasil e parte da minha cultura histórica também, eu amo demais esse estilo e estou me abrindo cada dia mais a ele.”

A relação de Lucas com os ritmos brasileiros em seus trabalhos na música eletrônica já são evidentes em sua trajetória. O artista foi responsável pela criação do novo gênero musical Baila Tech, do nicho eletrônico, que mescla batidas de funk com o gênero do house music, especialmente o tech house. Buscando trazer inovação ao mercado da música eletrônica e, inspirado no mix de gêneros musicais do Brasil, o DJ percebeu diversas interpretações de como unir a música brasileira.

Em seus últimos lançamentos, Lucas Frota tem feito parcerias com grandes cantores brasileiros, de estilos musicais variados, como a colaboração com Agnes Nunes, cantora que transita por diversos gêneros musicais como MPB, r&b e o blues, na faixa “All Night Long”. Vale lembrar também o single “Change”, em parceria com Blakkat. acompanhado de videoclipe, que traz uma conversa sobre a desigualdade social e aborda também as sensações que a maioria das pessoas já sentiram durante esse período pandêmico difícil em todo o mundo.

“Na música, com certeza o Brasil pode se considerar referência para o mundo todo. O Baila tech foi algo que surgiu de uma ideia minha de fundir essa essência brasileira no House music”, comenta Lucas Frota. “O Brasil é como uma mina de ouro de música, quanto mais você trabalha e explora, mais obras incríveis você faz. Tenho muitas colaborações em diversas áreas da música brasileira vindo por aí, desde a música MPB até o Rap/funk nacional.”


 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem