BLAZY SE UNE A DURS PARA LANÇAR “51 WAYS”

Últimas

BLAZY SE UNE A DURS PARA LANÇAR “51 WAYS”


Todo o processo de produção levou pouco mais de 1 ano e finalmente está 100% finalizada!

Desde muito novo Blazy iniciou seu primeiro contato com a música eletrônica, aos 8 anos seu irmão o apresentou a música “Artcore” do Astrix. Mas foi na adolescência que ele de fato entrou para o universo da música eletrônica. Segundo ele, ao digitar no google: “Como ser DJ?”, foi o que o levou a torna-se artista. 


Blazy conta que o Progressive House foi o primeiro gênero que ele começou a produzir. O Psy Trance veio depois de ir a uma rave e escutar uma música que ele não a encontrou em lugar nenhum.


“Perguntei pra todos DJs do line e ninguém sabia me dizer que música era. Então, resolvi produzir o que tinha na cabeça e acabou bombando na cidade.” 
Para Blazy, o mercado do Psy Trance no Brasil hoje é maior do que nunca, com um volume enorme de grandes eventos, público e DJs talentosos. “Nossa cena cresce todos os dias e é uma das maiores do mundo, devemos agradecer pelo privilégio.”


Com passagem por diversos países, Blazy afirma que o local que ele mais se identificou foi a Austrália, porém a Índia foi o que mais o marcou, por ter um cultura linda e completamente diferente da nossa.


Blazy e Durs se conheceram através do Instagram, e o processo criativo de “51 Ways” começou através de uma ideia inicial de Durs que já conhecia o Adrian Daniel, que canta a música. Todo o processo levou pouco mais de 1 ano e finalmente está 100% finalizada!


Durs afirma que “51 Ways” é uma das faixas mais fora da caixa que ele já produziu, sendo impossível identificar somente um gênero. Para ele a música tem um pouco de Progressive Trance, Melodic, R&B e definitivamente muito Techno.


“Conseguimos criar um pequeno universo onde todas essas características coexistem em equilíbrio. Estamos ansiosos para saber a reação do nosso público. É uma música que não me canso de ouvir repetidamente, espero que algumas pessoas tenham o mesmo sentimento sobre isso.”


Nos últimos dois anos Durs tem procurado construir seu próprio caminho, sair de estereótipos e julgamentos e apenas seguir seu jeito de entender e fazer música. Para ele  “51 Ways” é o resultado de todo esse processo.


“Tem sido ótimo encontrar caras como Blazy e Adrian. São espíritos livres que iluminaram toda essa jornada. Eu não poderia estar mais feliz e orgulhoso com tudo o que conquistamos nesta produção.”



 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem