Réveillon TROOP retoma atividades em força total com Warung Showcase e Subdivisions

Últimas

Réveillon TROOP retoma atividades em força total com Warung Showcase e Subdivisions


A TROOP é inegavelmente um projeto consistente. Nascida em Florianópolis e há oito anos no mercado, atua no cenário da música eletrônica, design, arte, bem como nos ramos de gravadora, produtora de conteúdo digital, entre outras frentes voltadas sempre a oferecer experiências estéticas e imersivas.

Após o período de reclusão em razão da pandemia, esta será a primeira festa em formato "full" do projeto, especialmente para a quarta edição de sua festa de Réveillon. O evento será realizado na Mansão Alameda Casa Rosa, no início do morro da Lagoa da Conceição, em formato open bar.

Dividindo o espaço da Alameda em três palcos, com assinatura do Warung, da própria Troop, claro, e da festa conceitual paulistana Subdivisions, oferecerá música eletrônica avant-garde e atemporal, indo do disco, funky, house ao techno e minimal. Um pouco de tudo para agradar gregos e troianos.

A virada da TROOP inclui no ingresso coquetéis produzidos pela Just Drink (empresa especializada em coquetelaria cathering), gin Langley`s, whisky Jack Daniel`s, vodka Pravda, espumante, energético, refrigerantes, água, água tônica e sucos (com alimentação em food truck`s à parte).

Os artistas que se apresentam são nomes que vêm de todos os cantos do Brasil, com destaque para Eli Iwasa (indicada três vezes na categoria "melhor DJ" pelo prêmio Women`s Music Event, considerada a premiação musical mais importante da indústria fonográfica para as mulheres). Trará também Leo Janeiro (carioca com envolvimento direto em edições do BRMC), além de Carol Mattos, Ale Reis, Rafael Onid, Seed Selector; os residentes Ney Faustini, Caetano, Eduard, Marc-lo, Romina e demais nomes que se apresentam nos mais importantes clubes e festas do país.


whatsapp_image_20211223_at_23.08.54_1_500.
Foto: divulgação

Lounges, mesas, sofás, espaços chill, tudo sem reserva ou valores diferenciados e disponíveis para serem usados à vontade. Será cobrado, conforme decreto municipal, carteira de vacinação via documento ou App ConecteSUS. Um festão de dar gosto, para ninguém botar defeito! Vale a pena conferir! Garanta seu ingresso aqui

Sobre a TROOP

A TROOP teve início através de uma conversa despretensiosa de dois colegas da faculdade de design gráfico. Caetano e Pedro mostraram interesse mútuo pela house music e suas vertentes mais conceituais, a ponto de perceberem que Florianópolis sofria de uma carência de eventos que abraçassem tal proposta.

Após edições pequenas em que apresentaram DJs e artistas gráficos locais, num formato "happy hour" para cerca de 150 pessoas, notaram que a ideia podia ir além, dando espaço para variados tipos de arte, incluindo DJs, VJs, designers, ilustradores, tatuadores, grafiteiros e estilistas.

A TROOP sempre fez questão de enaltecer os artistas que contam com uma longa trajetória e vasta bagagem musical, sem com isso deixar de destacar a geração mais nova. Para uma festa, essa mistura é muito rica e foge da lógica predominante dos micro nichos que se constroem sempre em torno do mesmo círculo.

Ao longo de oito anos, o núcleo se consolidou, já tendo escalado Fred P, Janeret, Ryan Elliott, David Delgado, Patrice Scott, Daniel Bell, Ion Ludwig, Thomas Melchior, Moodymann, XDB e expoentes nacionais como Renato Cohen, Aninha, Nomumbah, Kaká Franco, Idee aka Renee, Konnin, Stekke, Gromma e Gop Tun DJs.

O foco é claramente a música, sendo aberto em paralelo perspectivas de convivência como feira de discos e exposições. Os locais nos quais os eventos já se instalaram, como o bar do Deca, a Praia Mole, o Bud Basement são provas desse desejo de integrar espaços e públicos para uma vivência intensa, lúdica e horizontal.


 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem